Skip to content

Tempestade

16/11/2009

168101

storm

Bom… querido diário 5 dias sem aparecer ou sem postar p.n. Nada pessoal, apenas por preguiça e fazendo uns trabalhinhos chatos da faculdade, mas fazer o quê?!, tudo por um futuro melhor.
Mas hoje o post é pessoal sim. Okay, let’s go baby, let’s go!

Passado uma semana da tempestade, o furacão já se foi, mas a tormenta permanece, o estresse continua, o pânico assombra, o receio destrói, a dor persiste, a esperança – coitada – já morreu e o que perpetua é um sentimento o qual não deveria existir mesmo após àquela tempestade: saudade.

“Qual o ser humano que renúncia àquilo que o torna tranqüilo, sereno e fiel, e o faz – se duvidar – feliz?!”
Mesmo que aquilo o tenha machucado, às vezes, parece ser um mal necessário. Nitroglicerina pura, pronta para explodir, algo que só pode ser manipulada por mãos firmes e dignas de PODER, deve se ter liderança, paciência, calma e – sobretudo – COMPAIXÃO. Tem que saber lidar com o poder que se tem nas mãos.

Mas tem hora que aquela “empatia” torna-se “antipatia”, hora que a vontade é de entregar-se ao relento e esquecer todo o trabalho e esforço realizado. Será por quê àquela tempestade já causou dor demais e provocou demasiado sofrimento?
Pergunta que merecia resposta. Talvez tenha, uma, mas a vontade de admiti-la é nula.

Será que este é o caminho? Será que vale a pena? Será que tudo o que passa em nossa vida vale a pena?
Para isto eu tenho a resposta: “tudo na vida vale a pena até o dia em que você aprende, depois que aprende já não vale mais a pena persistir no erro, sofrer! Aprendida a lição e você – como exemplar aluno – está formado.” Agora é hora de escolher um novo caminho e, quem sabe, se especializar em outras áreas.

A vida não pára e ela não vai esperar você se decidir se pula ou não deste trem pula logo filhodumaputa (desculpem-me pelo vocábulo chulo).

Mesmo com toda essa concepção ainda consigo ser hipócrita – TRÁGICO.

Enfim, eu poderia definir agora a palavra saudade, mas creio que eu não seja a pessoa correta para isto, até porque meu conhecimento sobre tal ainda é muito superficial… Fica para outra hora, para alguém que sabe melhor do que eu a respeito deste sentimento amargo.

Após muitas vírgulas e hífens, terminado o post, apenas para refletir, desestressar e tentar expressar alguma coisa que precisava pôr pra fora (mas ainda falta muito)!

Fica o trecho de uma música que me interessou muito ♪

I’m trying to find the words to describe this girl without being disrespectful

Beijosmeliga;*

por Altruístico

Anúncios

From → Relacionamentos

2 comentários
  1. jabra permalink

    pow… queria falar coisas bonitas agora ! só que eu posso falar ! é que o amor é um jogo onde vc pode perder agora e ganhar deopois ! basta vc encontrar a pessoa certa ! 😉

  2. eu concordo plenamente com o meu amigo Jabra ;DD adorei o texto em , e vc sabe , to contigo e não abro ;*

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: